Museu da Imagem e do Som em Balneário Camboriú

Museu da Imagem e do Som em Balneário Camboriú, por Daniele Haak

Este ano, coloquei como meta explorar mais o que minha cidade, Joinville- Santa Catarina, oferece, assim como as cidades próximas. Essa meta surgiu depois de uma conversa com amigos numa viagem ao exterior na qual falávamos sobre o fato de nos dispormos a conhecer lugares com duas ou três horas de distância, que muitas vezes nem estavam no roteiro inicial, mas acabávamos incluindo, e perto de nossa casa, nem sempre ou quase nunca, temos a mesma disposição. Existem tantos lugares  e muitas coisas legais acontecendo na “vizinhança” e vamos deixando passar…

Foi tentando cumprir essa meta que tomei conhecimento do recém-inaugurado MUSEU DA IMAGEM E DO SOM que fica em Balneário Camboriú, cidade litorânea a 102 Km de minha cidade, pela BR 101.

O Museu foi inaugurado em julho de 2018 e conta com o maior acervo da América Latina dedicado à história da imagem e do som. Com mais de 3 mil itens, a coleção ocupa seis andares de um prédio no centro da cidade, construído especialmente para  essa finalidade . 

Todo o acervo é de  Fernando Delatorre, filho de Eduardo Delatorre, o responsável pela construção dos três primeiros cinemas de Balneário Camboriú – Cinerama, Autocine e Cine Itália. 

A exposição, em ordem cronológica, começa pela história do cinema com uma sala dedicada aos Irmãos Lumière, passa por Charlie Chaplin e outros, até chegar aos dias atuais. No museu existem dois auditórios, em um deles assistimos ao filme A dog’s Life de Chaplin, produzido e filmado em 1918. No outro, passava um filme do Gordo e o Magro. 

Fonte: Internet
Fonte: Internet

 

O rol de raridades inclui um gramofone inglês fabricado em 1890 e um filme original de Charles Chaplin em 9,5 milímetros, com data de 1917. Ainda há um harmônio (instrumento musical) que funciona e que pertencia à uma antiga igreja de Camboriú e também lanternas mágicas, máquinas fotográficas, filmadoras, rádios, vitrolas e televisores. As peças vêm da Argentina, Uruguai, Chile, Estados Unidos, Europa e Brasil. 

É um programa absolutamente imperdível para os amantes da Sétima Arte, assim como para os amantes do rádio!

Além da imagem e do som, o museu também abriga a coleção de selos e moedas de Delatorre.

O museu fica aberto de terça a domingo, das 13h às 18h. 

Endereço: Rua 700, n.º 44, Centro, Balneário Camboriú/Santa Catarina,

Ingressos: R$ 20,00 inteira. (valor pago em 20/04/2019)

Nota do Blog: O Baú de Família já esteve na Casa dos Irmãos Lumière, os grandes inventores do cinema, e na rua onde filmaram A saída da fábrica, um dos filmes da primeira sessão do cinematógrafo, no Grand Café de Paris em 28 de dezembro de 1895,  La sortie de l’usine Lumière à Lyon (A saída da fábrica Lumière em Lyon).  Te conto tudo nesta carta de Memórias aqui!

Uma consideração sobre “Museu da Imagem e do Som em Balneário Camboriú”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: